Tag Archives: Adcetris

Pacientes com linfoma de Hodgkin e ALCL ganham nova opção de terapia.

O Adcetris é o primeiro medicamento para tratar estas doenças aprovado nos Estados Unidos desde o final da década de 1970.

aprovacao-do-medicamento-adcetris-foi-feA Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos aprovou o Adcetris (brentuximab vedotin) para tratar o linfoma de Hodgkin (HL) e outro tipo raro, conhecido como linfoma de grandes células anaplásicas sistêmicas (AlCl).

O Adcetris é um anticorpo conjugado com um medicamento, que juntos conseguem direcionar a droga para células do linfoma (CD30). O fármaco deve ser usado em pacientes com HL cuja doença tenha progredido após o transplante autólogo de células-tronco ou depois de dois tratamentos de quimioterapia naqueles que não puderam receber um transplante por alguma razão.

“Dados clínicos comprovam que os pacientes com o linfoma de Hodgkin que receberam Adcetris apresentaram uma resposta significativa para a terapia”, disse Richard Pazdur, diretor do Escritório de Medicamentos Oncologia no Centro do FDA.

De acordo com o National Cancer Institute (NCI), sintomas comuns da HL incluem o alargamento dos gânglios linfáticos, baço, febre, perda de peso, fadiga ou sudorese noturna.

O AlCl sistêmico é um tumor maligno raro (linfoma não-Hodgkin), que pode aparecer em várias partes do corpo, incluindo os gânglios linfáticos, pele, ossos, tecidos moles, pulmões ou fígado.

O Adcetris é o primeiro medicamento para o tratamento de linfoma de Hodgkin aprovado pela FDA desde 1977 e o primeiro especificamente indicado para o tratamento de linfoma de grandes células anaplásicas sistêmicas.

Os efeitos colaterais mais comuns causados pelo Adcetris foram um decréscimo da infecção de combate aos leucócitos (neutropenia), danos nos nervos (neuropatia sensorial periférica), náuseas, fadiga, anemia, infecção respiratória superior, diarreia, febre, tosse, vômitos e baixos níveis de plaquetas no sangue (trombocitopenia).

www.farmasupply.com.br

http://www.isaude.net/pt-BR/noticia/20277/geral/pacientes-com-linfoma-de-hodgkin-e-alcl-ganham-nova-opcao-de-terapia