Quatro dados sobre o câncer infantojuvenil

kardio2

Hoje é comemorado o dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil. No Brasil, são estimados 16 casos de câncer infantil a cada 100 mil crianças e adolescentes por ano.

Primeira causa de more por doença

O câncer já representa a primeira causa de morte por doença na população entre 1 a 19 anos, de acordo com o Inca.

Leucemias e linfomas entre os mais frequentes

Os tumores mais frequentes na infância e na adolescência são as leucemias, os do sistema nervoso central e os linfomas. Em 2014, o Brasil teve 394.450 casos novos de câncer e, segundo estimativas do Inca, a incidência dos tumores pediátricos encontra-se próximo dos 3% deste total.

Sinais e sintomas

Pais devem ficar atentos a dores de cabeça pela manhã e vômito; caroços no pescoço, nas axilas e na virilha, ínguas que não resolvem; dores nas pernas que não passam e atrapalham as atividades das crianças; manchas arroxeadas na pele, como hematomas ou pintinhas vermelhas; aumento de tamanho de barriga; brilho branco em um ou dois olhos quando a criança sai em fotografias com flash.

Índice de cura do Graacc é de 70%

Desde 2012, o Hospital do Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer (Graacc) atende os casos difíceis, como os tumores neurológicos, oculares e ortopédicos. O índice de cura no Hospital do Graacc é de 70% e 90% dos pacientes são do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *